Publicado por: Nuno Pereira de Sousa | 21 Maio, 2009

aberto até de madrugada

Aberto até de Madrugada

Aberto até de Madrugada

Devo andar demasiado tenso. Nem a cadeira de massagens no cabeleireiro me relaxou. Mas fiquei contente quando encontrei uma interessante sweat-shirt Hugo Boss. Do mal o menos…

Ontem, foi pouco o tempo que me consegui dedicar. Um filmito y nada más. E foi uma desilusão. Escrevo sobre Aberto até de Madrugada (From Dusk Till Dawn) de Robert Rodriguez. Um argumento desinspirado, maus efeitos especiais, uma inequidade a nível de qualidade de interpretações e um final em que inacreditavelmente os anciãos astecas são chamados à cena, faz deste filme de terror com componente vampiresco uma obra que me deixa desconsolado. Curiosamente, a porção policial – com humor q.b. à mistura – até ao momento em que chegam ao bar de vampiros é o momento alto do filme. Outra curiosidade é esta ser a primeira aparição da personagem Earl McGraw, a qual tornará a aparecer nos filmes Kill Bill, Planeta Terror e À Prova de Morte, os quais são provavelmente prequelas deste, dado Earl morrer neste filme… Eis a sinopse: Um grupo de assaltantes fugidos da prisão que tomou como reféns um pai e os seus filhos procuram refúgio num bar de estrada que está infestado de vampiros. Não compreendo o porquê do fenómeno do culto relativo a este filme…

Anúncios

Responses

  1. concordo plenamente..
    não gostei..
    o filme não faz o minimo de sentido…muito fraco…


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: